Aulas

Curso de Javascript – Aula 5 | Funções Avançadas

por: Bernardo Collet

atualizado há 10 meses atrás

Curso de JAVASCRIPT Aula 05 - Funções Avançadas

Bem-vindo ao Módulo Funções Avançadas em JavaScript! Neste módulo, vamos aprofundar nossos conhecimentos sobre funções avançadas e explorar conceitos avançados que tornam nosso código mais eficiente, flexível e poderoso.

Vamos estudar os Closures e o Escopo Léxico, que nos permitem criar funções aninhadas e capturar variáveis em diferentes contextos, proporcionando maior controle sobre o estado das nossas aplicações.

Além disso, aprenderemos sobre as funções de ordem superior, como map, filter e reduce, que são poderosas ferramentas para manipular e transformar arrays de forma concisa e eficiente.

Através dessas funcionalidades avançadas, você estará apto a criar código mais modular, utilizar funções como fábricas de comportamentos específicos e até mesmo proteger variáveis privadas em escopos fechados.

Ao concluir este módulo, você estará preparado para enfrentar desafios mais complexos em JavaScript, aproveitando o máximo das funcionalidades que a linguagem oferece. Vamos aprofundar nossos conhecimentos e elevar o nível de desenvolvimento em JavaScript com as Funções Avançadas! Vamos começar essa jornada de aprendizado e aprimorar suas habilidades em programação com JavaScript.

Funções Avançadas Anônimas e de Setas (Arrow Functions) em JavaScript

Nesta aula, vamos explorar dois conceitos importantes relacionados a funções em JavaScript: as funções anônimas e as funções de setas (arrow functions). Ambas são formas compactas e eficientes de criar funções em JavaScript, tornando nosso código mais conciso e legível.

Funções Anônimas

As funções anônimas são aquelas que não possuem um nome identificador. “Em vez disso, as pessoas criam e atribuem as variáveis ou passam-nas como argumentos para outras funções.” São especialmente úteis quando precisamos criar funções em tempo de execução ou como callbacks.

Exemplo de função anônima atribuída a uma variável:
var saudacao = function(nome) {
  console.log("Olá, " + nome + "!");
};

saudacao("Ana"); // Output: "Olá, Ana!"
Exemplo de função anônima como callback em uma função:
function executarOperacao(a, b, operacao) {
  return operacao(a, b);
}

var soma = function(a, b) {
  return a + b;
};

var resultado = executarOperacao(3, 5, soma); // O valor de resultado será 8

Funções de Setas (Arrow Functions)

As arrow functions são uma sintaxe mais concisa para criar funções em JavaScript. Elas permitem que a declaração de funções seja ainda mais reduzida e, além disso, herdam o contexto do this do escopo ao qual pertencem.

Exemplo de arrow function para calcular a área de um círculo:
const calcularArea = (raio) => {
  const pi = 3.14;
  return pi * raio * raio;
};

console.log(calcularArea(5)); // Output: 78.5

Se a função possui apenas uma instrução de retorno, podemos omitir as chaves e a palavra-chave return.

Exemplo da mesma função usando arrow function com retorno implícito:
const calcularArea = (raio) => 3.14 * raio * raio;

console.log(calcularArea(5)); // Output: 78.5

As funções anônimas e as arrow functions são recursos poderosos que tornam nossos códigos mais legíveis e eficientes em JavaScript. “As funções anônimas têm utilidade para criar funções em tempo de execução ou para usá-las como callbacks.” Por outro lado, as arrow functions oferecem uma sintaxe mais concisa para a criação de funções, especialmente quando temos instruções de retorno simples. Com o uso adequado dessas técnicas, podemos tornar nosso código mais modular e flexível, aprimorando nossa habilidade de programação em JavaScript. Continue praticando e explorando as possibilidades das funções anônimas e das arrow functions para melhorar suas habilidades de desenvolvimento web.

Funções de Ordem Superior – map, filter e reduce em JavaScript

Nesta aula, vamos explorar as funções de ordem superior em JavaScript, que são funções que recebem outras funções como argumentos ou retornam funções como resultado. Em particular, veremos as funções map, filter e reduce, que são muito utilizadas para manipulação e transformação de arrays.

Função map

A função map é usada para criar um novo array a partir do array original, aplicando uma operação em cada elemento. Ela retorna um novo array com o mesmo tamanho do array original, contendo os valores resultantes da operação.

Exemplo de uso do map para dobrar os valores de um array:
const numeros = [1, 2, 3, 4, 5];
const dobrados = numeros.map((numero) => numero * 2);

console.log(dobrados); // Output: [2, 4, 6, 8, 10]

Função filter

A função filter é utilizada para criar um novo array a partir do array original, filtrando os elementos que atendem a uma determinada condição. Ela retorna um novo array contendo apenas os elementos que passaram no teste da condição.

Exemplo de uso do filter para obter os números pares de um array:
const numeros = [1, 2, 3, 4, 5];
const pares = numeros.filter((numero) => numero % 2 === 0);

console.log(pares); // Output: [2, 4]

Função reduce

A função reduce é usada para reduzir o array a um único valor, aplicando uma operação acumulativa em cada elemento. Ela recebe uma função callback que recebe o acumulador e o elemento atual como argumentos e retorna o valor acumulado.

Exemplo de uso do reduce para somar os valores de um array:
const numeros = [1, 2, 3, 4, 5];
const soma = numeros.reduce((acumulador, numero) => acumulador + numero, 0);

console.log(soma); // Output: 15

As funções de ordem superior map, filter e reduce são ferramentas poderosas para a manipulação e transformação de arrays em JavaScript. Com elas, podemos criar novos arrays com base em operações aplicadas aos elementos originais, filtrar elementos com base em determinadas condições e reduzir o array a um único valor acumulado. Essas funções são muito úteis para realizar operações complexas em arrays de forma concisa e eficiente. Com o domínio dessas funções de ordem superior, você estará preparado para manipular e transformar arrays de forma mais avançada, tornando-se um desenvolvedor mais habilidoso e versátil em JavaScript. Continue praticando e explorando as possibilidades dessas funções para aprimorar suas habilidades de programação em desenvolvimento web.

Closures e Escopo Léxico em JavaScript

Nesta aula, vamos explorar dois conceitos avançados em JavaScript: Closures e Escopo Léxico. Esses conceitos estão intimamente relacionados e fundamentais para que se possa entender como as funções aninhadas operam e como elas capturam variáveis em diferentes contextos.

Escopo Léxico

O Escopo Léxico refere-se ao local físico onde alguém declara uma variável no código. Em JavaScript, as funções criam escopos léxicos, o que significa que elas têm acesso a todas as variáveis declaradas em seu escopo externo (ou envolvente).

Exemplo de Escopo Léxico:
function saudacao(nome) {
  const mensagem = "Olá, "; // Variável declarada no escopo da função saudacao
  function cumprimentar() {
    console.log(mensagem + nome); // A função cumprimentar tem acesso à variável mensagem do escopo léxico externo
  }
  cumprimentar();
}

saudacao("Ana"); // Output: "Olá, Ana"

Closures

Um Closure é uma função que mantém acesso às variáveis do escopo léxico onde ela foi criada, mesmo após terem executado a função externa. Essa capacidade de capturar o estado de seu escopo externo torna os Closures poderosos para preservar valores ou comportamentos específicos.

Exemplo de Closure:
function contador() {
  let contagem = 0; // Variável declarada no escopo da função contador
  return function() {
    contagem++;
    console.log(contagem);
  };
}

const incrementarContador = contador();
incrementarContador(); // Output: 1
incrementarContador(); // Output: 2

Nesse exemplo, a função contador retorna uma função interna que forma um Closure, mantendo o acesso à variável contagem, mesmo após a função contador ter sido concluída.

3. Aplicações de Closures

Closures são amplamente utilizados em JavaScript para que se possam criar funções de fábrica, gerar comportamentos específicos e proteger variáveis privadas dentro de um escopo.

Exemplo de uso de Closure para criar funções geradoras:
function gerarMultiplicador(valor) {
  return function(numero) {
    return valor * numero;
  };
}

const duplicar = gerarMultiplicador(2);
console.log(duplicar(5)); // Output: 10

Os Closures e o Escopo Léxico são conceitos avançados em JavaScript que nos permitem criar funções poderosas e flexíveis. Closures são úteis para manter o estado de um escopo léxico mesmo após a execução da função externa. O Escopo Léxico, por sua vez, permite que funções internas acessem as variáveis do escopo onde foram criadas. Com a compreensão desses conceitos, você estará mais preparado para criar funções aninhadas e compreender como as variáveis são tratadas em diferentes contextos em JavaScript. Closures são amplamente utilizados em padrões de projeto avançados, e o conhecimento deles pode aprimorar significativamente suas habilidades como desenvolvedor JavaScript. Continue praticando e explorando as possibilidades dos Closures e do Escopo Léxico para aprimorar suas habilidades em desenvolvimento web.

Woocommerce

Otimização de Desempenho para sua Loja WooCommerce: Estratégias Eficientes

Descubra como otimizar sua loja no WooCommerce para aumentar vendas e a satisfação do cliente. Estratégias e dicas eficazes!
Elementor

Elementor vs. Outros Construtores de Página: Qual a Melhor Escolha para o seu Site?

Construtores de Página: Descubra as vantagens do Elementor em comparação com outros construtores e encontre a ferramenta ideal para você.